Remanso empata em 1 a 1 jogando em casa contra a seleção de Ipirá.

Remanso 1 x 1 Ipirá

A Seleção de Remanso inicia a quarta fase do Campeonato Intermunicipal de Futebol Amador, edição 2014, promovido pela Federação Baiana de Futebol, com um empate doloroso dentro de casa diante da Seleção de Ipirá neste domingo, 02/11, num empate de um a um, partida realizada no estádio municipal Walter Ribeiro, em Remanso, norte da Bahia.

Nitidamente a equipe de Ipirá veio determinada a arrancar o empate para buscar a classificação em casa na partida de volta. Durante todo o jogo o que se viu foi a seleção remansense sempre partir em busca do resultado e os adversários matando as jogada, às vezes com faltas duras, tentando intimidar os atacantes locais.

Seleção de Remanso.

Seleção de Remanso.

Remanso 1 x 1 Ipirá

Seleção de Ipirá (BA).

Na primeira etapa a equipe da casa teve algumas chances desperdiçadas e isso fazia a torcida ficar cada vez mais impaciente. O primeiro tempo terminou em zero a zero, mas os remansenses, pela forma como jogaram, mereciam um resultado melhor.

A segunda etapa continuou com a pressão de Remanso e os adversários sempre tentando responder em contra-ataques, sem muita objetividade. Num desses contra-ataques a equipe de Ipirá teve um escanteio a seu favor e conseguiu abrir o placar aos 33 minutos, com gol do zagueiro Fernando (04), uma grande injustiça para o goleiro Ari, que vinha fazendo grandes defesas no jogo.

Gol da seleção de Ipirá.

Gol da seleção de Ipirá.

Os remansenses não se intimidaram com o gol sofrido e continuaram partindo para cima, fazendo a partida transformar-se num jogo de meio campo, com os ipiraenses encurralados no seu campo com raras idas ao ataque. O desânimo já tomava conta da torcida, mas os meninos de Remanso não desistiram. O jogo teve 5 minutos de acréscimo anotados pelo ábitro e aos 47 minutos, numa bela jogada do ataque alvi-verde, o artilheiro Lucílio (09) marcou o gol que trouxe novamente esperança para os remansenses. A torcida foi à loucura e fez com que o time partisse para cima e por pouco, muito pouco não conseguiu a virada.

Gol da seleção de Remanso.

Gol da seleção de Remanso.

Lucílio (9) marca o gol e corre para o abraço.

Lucílio (9) marca o gol e corre para o abraço.

Dedeco (à frente), jovem zagueiro de Remanso, puxa a galera para tentar o gol da virada.

Dedeco (à frente), jovem zagueiro de Remanso, puxa a galera para tentar o gol da virada.

Agora é preparar-se para o próximo jogo e buscar o resultado na casa do adversário. A equipe de Remanso já demonstrou que não se intimida com os jogos fora de casa, como aconteceu em Cipó, onde os remansenses até os 40 minutos do segundo tempo perdiam por 2 a zero, conseguiram empatar o jogo e a classificação na disputa de penaltis, e tem chances reais de trazer um ótimo resultado de Ipirá e passar à próxima fase da competição.
Gols da partida: Fernando (04) aos 33 minutos do segundo tempo marcou para Ipirá e Lucílio (09) fez o gol dos remansenses aos 47 minutos segundo tempo.

Tony Galêgo (11), de Ipirá: a dura batalha contra os carrapichos.

Tony Galêgo (11), de Ipirá: a dura batalha contra os carrapichos.

Substituições de Remanso: Saiu o colombiano Rennê (08) para a entrada de Guina (13) aos 21 minutos do segundo tempo; saiu Panga (11) para entrar o outro colombiano da equipe, Brayan (18) aos 31minutos do segundo tempo; saiu Clerinho (10) e entrou Rodrigo (17) aos 38 minutos do segundo tempo.
Substituições de Ipirá: Saiu o camisa 10 e entrou o camisa 19, aos 28 minutos do segundo tempo. Aos 45 minutos saiu o camisa 07 para a entrada do camisa 18. Estamos omitindo os nomes dos atletas substituídos, porque a equipe de Ipirá forneceu ao blog uma relação onde a numeração da relação não coincide com a numeração dos atletas em jogo.

Cartão amarelo: Pela equipe de Remanso receberam cartão amarelo o goleiro Ari (01) e o meia Clerinho (10). Os ipiraenses Anderson (06), Erivaldo (07) e Mathias (José Pereira dos Santos) (03).

Capitães: Remanso: Ariovaldo (01); Ipirá: José “Mathias” (03)

Árbitros - Central: Reinaldo Silva de Santana; assistente 01: Carlos Roberto dos Santos; assistente 02: Josivan Mendes das Montanhas; 4º Árbitro: João Duarte da Silva Neto e 5º Árbitro: Gilmar Lima Cavalcante.

Capitães das equipes: Ari (goleiro de Remanso), Mathias (zagueiro de Ipirá) e os Árbitros – Central: Reinaldo Silva de Santana; assistente 01: Carlos Roberto dos Santos; assistente 02: Josivan Mendes das Montanhas; 4º Árbitro: João Duarte da Silva Neto e 5º Árbitro: Gilmar Lima Cavalcante.

Árbitros – Central: Reinaldo Silva de Santana; assistente 01: Carlos Roberto dos Santos; assistente 02: Josivan Mendes das Montanhas; 4º Árbitro: João Duarte da Silva Neto e 5º Árbitro: Gilmar Lima Cavalcante.

Local do jogo: Estádio Municipal Walter Ribeiro, em Remanso, Bahia.

Vejam mais algumas fotos:

Rennê, o meia colombiano, é uma das peças fundamentais na equipe de Remanso.

Rennê, o meia colombiano, é uma das peças fundamentais na equipe de Remanso.

Não faltou malabarismo no jogo.

Não faltou malabarismo no jogo.

Testando a grama do Walter Ribeiro. rsrs

Testando a grama do Walter Ribeiro. rsrs

Remanso 1 x 1 Ipirá

Rafael Muniz comandando a torcida.

Remanso 1 x 1 Ipirá

Marcação cerrada em cima de Rennê.

Remanso 1 x 1 Ipirá Remanso 1 x 1 Ipirá Remanso 1 x 1 Ipirá

Os jovens zagueiros de Remanso, Dedeco e Daniel, no encalço de Tony Galêgo.

Os jovens zagueiros de Remanso, Dedeco e Daniel, no encalço de Tony Galêgo.

Os remansenses não se intimidaram e também jogaram duro.

Os remansenses não se intimidaram e também jogaram duro.

Jogo pegado...

Jogo pegado…

E o Tony Galêgo não tinha sossego.

E o Tony Galêgo não tinha sossego.

Clerinho, meia remansense, sempre uma marcação dura em cima dele.

Clerinho, meia remansense, sempre uma marcação dura em cima dele.

O bandeira mais "perseguido" pela torcida de Remanso.

O bandeira mais “perseguido” pela torcida de Remanso.

O goleiro Ari fez importantes defesas garantindo o resultado.

O goleiro Ari fez importantes defesas garantindo o resultado.

O jogo foi bastante disputado.

O jogo foi bastante disputado.

Patrick, mais jovem talentoso da seleção de Remanso.

Patrick, mais um jovem talentoso da seleção de Remanso (e o Dedeco lá, na cola do Tony Galêgo).

Torcedora multicolorindo a torcida no estádio Walter Ribeiro.

Torcedora multicolorindo a torcida no estádio Walter Ribeiro.

Bêga, da diretoria de esportes de Remanso, entrevista para Sérgio, de São Raimundo Nonato-PI.

Bêga, da diretoria de esportes de Remanso, entrevista para Sérgio, de São Raimundo Nonato-PI.

Hercules, treinador de Remanso, sendo entrevistado por Aílton Nery.

Hercules, treinador de Remanso, sendo entrevistado por Aílton Nery.

...foi em toda parte assim: sempre com a presença de Dedeco.

Marcação cerrada em cima de Tony Galêgo… 

Marcação cerrada em cima de Tony Galêgo...

…foi em toda parte assim: sempre com a presença de Dedeco (esquerda).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s